Celebração de Kuan Yin

  

 

(por Alexandre Chagas):

Fechem os olhos e respirem profundamente por três vezes. Deixem pra trás as preocupações.

Relaxem os pés, pernas, tronco, braços, cabeça.

Focalize a atenção em seu coração e imagine um ponto de luz branco-dourado que nos trás uma grande alegria. O ponto de luz começa se expandir e cada pedacinho de nosso corpo fica repleto de luz e alegria. Transmitimos esse sentimento para todos os presentes.

Sentimos a alegria e a luz em nosso coração, pulmões, estomago e todos os órgãos de nossa barriga. Em nossos rins, genitália, pernas, pés, braços, mãos, pescoço e cabeça. Todo o nosso corpo está alegre e sorri para nós.

Essa mesma luz é emanada às várias porções de nossa aura e envolve os nossos sentimentos, pensamentos, emoções e somos envolvidos por uma profunda paz, alegria e amor.

Vamos invocar os Grandes Arcanjos.

Comecemos pelo Arcanjo Miguel. Ela está a nossa direita e quase podemos tocá-lo. Sentimos um leve calor, um leve rubor à nossa direita, o qual nos harmoniza e envolve no profundo amor de Miguel, que penetra fundo em todo o nosso corpo.

Invocamos o Arcanjo Gabriel para que fique à nossa esquerda e também sentimos um leve calor, um leve rubor que penetra profundamente em nosso corpo. Podemos sentir o profundo amor de Gabriel.

Invocamos o Arcanjo Rafael, para que se posicione às nossas costas, com profundo amor, equilíbrio e cura. Sentimos um leve calor, um leve rubor às nossas costas.

Invocamos o Arcanjo Uriel, a Luz de Deus, o qual também nos envolve à nossa frente e podemos sentir um leve calor, um leve rubor.

Por todos os lados somos envolvidos com a energia dos Arcanjos, do Amor e da Luz que eles nos trazem.

Vamos invocar agora a Grande Mãe e em especial a Mãe Kuan Yin, a Senhora do Amor e da Misericórdia.

Nanã também comparece, com um profundo Amor de Deus, com uma energia análoga a Mãe Kuan Yin, e nos envolve nesse amor, nessa misericórdia.

Como num passe de mágica somos levamos a um lindo jardim, repleto de flores.

Neste momento pedimos à Mãe Kuan Yin para que traga até nós uma determinada pessoa que desperta em nós algo que precisamos trabalhar ou que haja entre nós e a pessoa alguma pendência, sentimento ou energia que desejamos resolver.

A Grande Mãe traz à nossa frente, em energia, a pessoa que solicitamos. Kuan Yin nos mostra pontos energéticos que estão presentes naquela pessoa. Vemos que uns estão equilibrados e outros nem tanto. Olhamos no fundo dos olhos da pessoa. Desejamos e dizemos que retiramos qualquer energia negativa que um dia colocamos nela. Os Arcanjos estão conosco, em nossa volta e a pessoa a qual escolhemos é envolvida por uma profunda luz.

Vamos pedir para que toda energia que nós recebemos dessa pessoa e que não nos foi muito boa, também seja transmutada em nós, na energia do mais profundo amor. Podemos sentir uma grande luz que nos envolve e envolve a pessoa a qual escolhemos.

Vamos abraçá-la agora, num profundo abraço de paz e amor, envolvendo o perdão e uma energia divina a qual é potencializada pelos Arcanjos e pela grande Mãe Kuan Yin.

Finalmente, vamos pedir para que sejamos profundamente trabalhados. Permanecemos assim por alguns instantes nesse abraço de paz e amor.

 

 

(por Eliana Matthos):

Pedimos aos Mestres de Luz e ao Conselho Kármico que acompanhem esse nosso processo de libertação.

Nos vemos então em uma sala lilás. Na sala há tons variantes de lilás claro a violeta. Trata-se de um útero amoroso, sustentado pela energia de compaixão de Mãe Kuan Yin. A mãe se apresenta a nós num movimento de grande derramamento de amor e traz em seus braços uma criança pequena.

Mãe Kuan Yin entrega em nossos braços, de maneira extremamente amorosa, esse bebê, que somos nós com toda a nossa pureza de alma. Somos puros, somos lindos, somos perfeitos, somos amorosos e amados. E recebemos o carinho dessa criança pequena e deixamos o nosso coração e todo o nosso amor ir até ela quando a abraçamos. Não existe nenhum empecilho entre nós e a criança, só o amor nos liga e nos une.

Com um movimento de muita felicidade e ajuste com todos os Seres de Luz, colocamos essa criança dentro de nosso coração. Integramos-nos a ela, somos toda a pureza e amor divino.

E nosso coração se abre como uma flor de lótus. Mãe Kuan Yin, acompanhada por Arcanjo Miguel e toda a sua força nos diz que nesse momento podemos tocar nossos corpos de dores. São todas as dores que guardamos em nós, que são incompatíveis com essa pureza.

Soltamos aquelas situações. Soltamos uma situação e outra e outra, como se fossem corpos, registros, telas de nossos sentimentos guardados em tipos de dor.

As dores saem de nossos corpos e são transmutadas por Mestra Kuan Yin e Arcanjo Miguel e vamos sentindo a liberdade de ser um Ser.

Procuramos em nós mais alguns registros de dor que são incompatíveis com essa pureza e soltamos de nosso coração mais sentimentos de dor, que estavam ali guardados.

Vemos a nossa frente todos os quadros, as telas das nossas dores, suspensas. Num movimento reverente agradecemos essas experiências que tivemos. Agradecemos todos os seres que compartilharam essas experiências conosco. Agradecemos todos que sustentaram isso em nós. Agradecemos o nosso DNA divino, a nossa cadeia genética, agradecemos os nossos antepassados, agradecemos aos nossos geradores e mantenedores de Luz.

Diante do Conselho Kármico e de nossa pureza de alma soltamos essas experiências que são transmutadas num poderoso fogo violeta. Entre você no fogo violeta. Coloque o seu lar no fogo violeta, coloque seus pensamentos no fogo violeta, seus sentimentos.

Deseje a transmutação de tudo na pureza da sua própria alma. Agradeça, honre e liberte-se. E sinta-se livre, liberto, como o Ser de Luz que és, na alegria do bem viver, sustentando a sua pureza eterna.

E Arcanjo Miguel, nesse momento, coloca em nós uma capa protetora azul, a qual conosco permanecerá pelo ciclo de 7 luas. Estamos protegidos no poder de Deus Pai e Mãe e transmutados na nossa liberdade de ser.

Agradecemos a todos os astros, estrelas, a toda a natureza, a todo cosmo, a todo o universo por nos aceitarem compassivamente como somos. E agora nós passamos a aceitá-los e a aceitar tudo na sintonia do amor.

Todos os Anjos nos abençoam. Recebemos presentes divinos, jóias, paramentos compatíveis com a nossa liberdade.

Ao final, recebemos um grande abraço de Mãe Kuan Yin, que nos encoraja com seu amor e temos os seus olhos compassivos conosco e com tudo a nosso redor.

Abençoamos todas as flores que aqui estão e todas as flores que estejam em sintonia com essa energia, que se manifestem seu perfume amoroso nesse momento de luz para nós e para toda a humanidade.

Agradecemos todos os Mestres do Conselho Kármico, todos os mestres do mundo, todos os arcanjos, todos os elementais, todos os Orixás, todas as energias que aqui estiveram e que atuaram com Deus Pai/Mãe.

Pedimos prosperidade para nós e para todos, num grande movimento de ter para compartilhar amor, o bem, a saúde, toda a abundância divina. Nós aceitamos receber para nós e para toda a humanidade.

Emane amor a um ente querido do fundo do seu coração. Emane a uma situação de sua vida. Emane amor à seu serviço, abençoe a sua casa. Emane amor a toda a Terra e a todo o Universo, pois somos parte deles.

Assim é.

 

 

(por Alexandre Chagas):

Vamos imaginar uma chuva de pétalas que desce sobre nós, completando o profundo trabalho energético que acabou de ocorrer. Vamos pedir para que os Seres de Luz levem os frutos de todo esse amor e as pétalas a todos os lugares e a todas pessoas que nós emanamos e trabalhamos.

A Grande Mãe estará conosco e sempre que quisermos basta que focalizemos o nosso coração para que sejamos acalentados por Ela.

Agradecemos novamente a presença dos grandes Seres da Luz, vamos retornando ao nosso corpo. Sentindo os pés, as mãos, todo o corpo físico.

Quando quisermos, podemos abrir os olhos.

 

 

Canalização ocorrida no “Encontro com os Mestres de Luz”, em 09.02.08, no Espaço Luz Cristica (www.luzcristica.com).

Canais: Alexandre Chagas e Eliana Matthos.